domingo, 7 de junho de 2009

Fundamentos da Economia - atividade 6

ATIVIDADE 6 – A DISTÂNCIA

1º Os alunos leiam o cap. 6 do livro;
2º Assistam a vídeo aula 7;

ATIVIDADE A DESENVOLVER

1º Passo – Os alunos deverão a partir da leitura, responder as seguintes perguntas:

A. O que significa inflação?
Pode ser conceituada como o aumento contínuo e generalizado no nível geral dos preços. Ou seja, os movimentos inflacionários são dinâmicos e não podem ser confundidos com altas esporádicas de preços. Devem também ser generalizados, pois a maioria dos preços deve se elevar continuamente.

B. Quais as características de uma economia com hiperinflação?
Uma economia com hiperinflação tem como características: efeitos sobre a distribuição de renda; efeito sobre o balanço de pagamentos; efeito sobre as expectativas e efeito sobre o mercado de capitais.

C. Qual o impacto da inflação sobre a renda da população?
A inflação tem impacto sobre a renda da população, na medida em que, os assalariados, com o passar do tempo, vão ficando com seus orçamentos mais reduzidos até a chegada de um novo ajuste (dissídio). Os que mais perdem são os trabalhadores de baixa renda, que não são capazes de manter uma aplicação financeira, pois tudo o que ganham gastam com sua subsistência.
D. Quais os problemas que se apresentam para a atividade produtiva numa economia com altas taxas de inflação?
A atividade produtiva, numa economia com altas taxas de inflação, apresenta problemas, pois elevadas taxas de inflação, em níveis superiores ao aumento de preços internacionais, encarecem o produto nacional relativamente ao produzido externamente. Estimulando assim as exportações.

E. Identificar os aspectos causadores e as conseqüências da inflação na atividade econômica de um país.
Em linhas gerais a escassez de produto leva ao aumento dos preços. Esta escassez pode ser conseqüência do excesso de demanda ou mesmo redução da oferta. As teorias disponíveis na literatura econômica que procuram explicar o fenômeno da inflação levam em conta fatores diferentes como causadores da situação de escassez que induzem, por conseqüência, um movimento ascendente dos preços. Em última análise, o que de fato dá suporte a alta dos preços está na oferta não atender a expectativa de consumo.
Algumas das principais causas da inflação e as distorções provocadas por altas taxas de inflação:
· Inflação de Demanda. Resultam de uma procura excessiva em relação à capacidade de oferta da economia.
· Inflação de Custos. Originário da expansão dos custos dos fatores mobilizados no processamento da produção. Ainda segundo Marchetti:
“A inflação de custos, no entanto, age sobre a oferta agregada. A inflação de custos pode ter origem em aumentos de salários, sem ter havido previamente aumento da produtividade da mão-de-obra, e aumentos de preços administrados de matérias-primas, por ocorrência de choques de oferta causados, por exemplo, por safras agrícolas insuficientes ou por forte elevação do preço da matéria-prima básica, como petróleo”
As conseqüências da inflação na atividade econômica de um país são principalmente o aumento da renda das atividades improdutivas (consomem mas não produzem), provocando mais inflação; fuga de capitais para o exterior; Além disso, a transferência de renda entre agentes econômicos (normalmente ganham as atividades meio e as com melhores informações), perdem os salários e poupadores menos informados; desequilíbrios nos preços relativos; aumento da corrupção (orçamentos e auditorias ficam quase impossíveis, preços desconhecidos, etc.); qualidade dos gastos do governo cai, provocando mais inflação; g) aumenta renda das atividades improdutivas (consomem mas não produzem), provocando mais inflação; h) fuga de capitais para o exterior.


F. Identificar a realidade inflacionária do Brasil.

Acerca do processo inflacionário brasileiro, vemos que o Plano Real, além de reduzir a taxa de inflação a níveis baixos, conseguiu reduzir consistentemente o grau de inércia inflacionária da economia.
O Comitê de Política Monetária (Copom) anunciou em março de 2009, um corte na taxa básica de juros Selic de 1,5%. Passou de 12,75% para 11,25%. Somente em novembro de 2003 houve uma queda tão acentuada da taxa de juros.
Com a taxa de juros um pouco mais baixa, espera-se que aumente o consumo interno, pois os financiamentos e pedidos de crédito vão ficar um pouco mais baratos. A medida tomada pelo governo agrada principalmente o setor capitalista nacional que vai ter mais dinheiro em caixa que eventualmente pode ser utilizado para investir na produção.
Mesmo assim, o Brasil continua, de longe, com a maior taxa de juros do planeta, isso favorece os investidores estrangeiros que desfrutam de lucros exorbitantes e também consegue controlar de certa forma a inflação.

2º Passo – A partir do entendimento das questões anteriores, elaborar uma síntese, que será apresentada no próximo encontro presencial.

A inflação pode ser conceituada como o aumento contínuo e generalizado no nível geral dos preços.
Uma economia com hiperinflação tem como características: efeitos sobre a distribuição de renda; efeito sobre o balanço de pagamentos; efeito sobre as expectativas e efeito sobre o mercado de capitais.
A inflação tem impacto sobre a renda da população, na medida em que, os assalariados, com o passar do tempo, vão ficando com seus orçamentos mais reduzidos até a chegada de um novo ajuste (dissídio). Os que mais perdem são os trabalhadores de baixa renda, que não são capazes de manter uma aplicação financeira, pois tudo o que ganham gastam com sua subsistência.
A atividade produtiva, numa economia com altas taxas de inflação, apresenta problemas, pois elevadas taxas de inflação, em níveis superiores ao aumento de preços internacionais, encarecem o produto nacional relativamente ao produzido externamente. Estimulando assim as exportações.
Algumas das principais causas da inflação e as distorções provocadas por altas taxas de inflação:
· Inflação de Demanda. Resultam de uma procura excessiva em relação à capacidade de oferta da economia.
· Inflação de Custos. Originário da expansão dos custos dos fatores mobilizados no processamento da produção.
As conseqüências da inflação na atividade econômica de um país são principalmente o aumento da renda das atividades improdutivas (consomem mas não produzem), provocando mais inflação; fuga de capitais para o exterior.
Acerca do processo inflacionário brasileiro, vemos que o Plano Real, além de reduzir a taxa de inflação a níveis baixos, conseguiu reduzir consistentemente o grau de inércia inflacionária da economia.
O Comitê de Política Monetária (Copom) anunciou em março de 2009, um corte na taxa básica de juros Selic de 1,5%. Passou de 12,75% para 11,25%. Somente em novembro de 2003 houve uma queda tão acentuada da taxa de juros.
Com a taxa de juros um pouco mais baixa, espera-se que aumente o consumo interno, pois os financiamentos e pedidos de crédito vão ficar um pouco mais baratos. A medida tomada pelo governo agrada principalmente o setor capitalista nacional que vai ter mais dinheiro em caixa que eventualmente pode ser utilizado para investir na produção.
Mesmo assim, o Brasil continua, de longe, com a maior taxa de juros do planeta, isso favorece os investidores estrangeiros que desfrutam de lucros exorbitantes e também consegue controlar de certa forma a inflação.

ATIVIDADE 7 – A DISTÂNCIA

1- Os alunos tenham lido o cap. 10 do livro:
2- Os alunos assistam as vídeo aulas 9 e 10


ATIVIDADE A DESENVOLVER

1º Passo – Os alunos deverão desenvolver estudos sobre as seguintes questões:
Qual é a importância para um sistema econômico a existência de um sistema financeiro nacional bem estruturado e confiável?

Está na sua existência para estruturar a economia e suas atribuições estão contempladas pela Constituição Federal. O sistema financeiro nacional é estruturado de forma a promover o desenvolvimento equilibrado do país e a servir aos interesses da coletividade ele é estruturado em dois subsistemas: um normativo e outro de intermediação.

No Brasil é possível afirmar que possuímos um sistema financeiro nacional confiável, justificando?

Sim, as políticas e incentivos econômicos precisam ainda ser melhorados, porém, obtivemos um grande avanço no atual governo, onde a taxa de crescimento de exportações e emprego está sustentando-se e mantendo uma progressão. Al/e disso, alianças comerciais entre outros paises estão alavancando a indústria nacional.

Quais as subdivisões do sistema financeiro brasileiro entendendo a função de cada órgão pertencente a cada um?
O Sistema Financeiro Nacional
As autoridades monetárias:
O Conselho Monetário Nacional: o CMN acaba sendo o conselho de política econômica do país, visto que o mesmo é responsável pela fixação das diretrizes da política monetária, creditícia e cambial. Atualmente, seu presidente é o próprio Ministro da Fazenda.
O Banco Central do Brasil: o BACEN é o órgão responsável pela execução das normas que regulam o SFN. São suas atribuições agir como: banco dos bancos, gestor do SFN, executor da política monetária, banco emissor e banqueiro do governo. É muito discutida a elevação do grau de independência do BACEN. Diversas discussões apresentam pontos positivos e negativos de tal alteração
www.bc.gov.br
Autoridades de apoio:
A Comissão de Valores Mobiliários: a CVM é um órgão normativo voltado ao mercado de ações e debêntures. Ela é vinculada ao Governo Federal e seus objetivos podem sintetizados em apenas um: o fortalecimento do mercado acionário.
www.cvm.gov.br
O Banco do Brasil: até janeiro de 1986 o BB assemelhava-se a uma autoridade monetária mediante ajustamentos da conta movimento do BACEN e do Tesouro Nacional. Hoje, é um banco comercial comum, embora responsável pela Câmara de Confederação.
www.bb.com.br
O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social: contando com recursos de programas e fundos de fomento, o BNDES é responsável pela política de investimentos de LP do Governo e, a partir do Plano Collor, também pela gestão do processo de privatização. É a principal instituição financeira de fomento do Brasil por impulsionar o desenvolvimento econômico, atenuar desequilíbrios regionais, promover o crescimento das exportações, dentre outras funções.
www.bndes.gov.br
A Caixa Econômica Federal: a CEF caracteriza-se por estar voltada ao financiamento habitacional e ao saneamento básico. É um instrumento governamental de financiamento social.
www.cef.gov.br
Ainda há as Instituições financeiras.


Qual a importância dos bancos comerciais para o funcionamento da economia do Brasil?
Cumprem as necessidades do povo para atender suas expectativas em movimento bancários, como: empréstimo, descontos de títulos duplicatas, cobranças abertura de contas...

O Banco Central do Brasil como órgão executor da política monetária brasileira tem executado suas atribuições de forma a conduzir a economia do Brasil de forma segura e sólida, justifique?
Não, acredito que o Brasil poderia desenvolver bem mais, se os juros não fossem tão altos. A economia através do Banco central do Brasil, cria importantes entraves à expansão da taxa de investimento.

Justifique a afirmação: Um país só pode se desenvolver se possuir um sistema financeiro nacional bem estruturado e confiável.

A economia bem estruturada em um país permitirá, dentre outros benefícios, a expansão da capacidade produtiva (aumento do PIB) e do poder aquisitivo da população, que são indispensáveis para o crescimento e desenvolvimento de uma nação.

O que significa mercado de capitais e qual a sua importância para o Brasil?

Mercado de capitais é um sistema de distribuição de valores mobiliários que proporciona liquidez aos títulos de emissão de empresas e viabiliza o processo de capitalização. São constituídas pelas bolsas de valores, sociedades corretoras e outras instituições financeiras autorizadas.

Que fatores levam o investidor a optar pelo investimento em mercado de capitais?
Ao comprar ações você esta se tornando um sócio daquela empresa, os fatores que levam ao optar por estes investimentos são: A valorização da empresa a longo prazo;A participação anual dos lucros;A influência no processo decisório.

Quais as vantagens para o empresário abrir o capital da sua empresa?
Com o processo de globalização, que resultou em um intenso intercâmbio entre os países, cada vez mais o mercado de capitais vem adquirindo uma crescente importância no cenário financeiro internacional. Seguindo essa tendência mundial, os países em desenvolvimento procuram abrir suas economias para poder receber investimentos externos. Assim, quanto mais desenvolvida é uma economia, mais ativo é o seu mercado de capitais.

Como a bolsa de valores pode representar um indicador de desempenho da atividade econômica brasileira?

O preço da ação é formado pelos investidores do mercado que, dando ordens de compra ou venda de ações às Corretoras das quais são clientes, estabelecem o fluxo de oferta e procura de cada papel, fazendo com que se estabeleça o preço justo da ação. A maior ou menor oferta/procura por determinada ação, que influencia o processo de valorização ou desvalorização de uma ação, está relacionada ao comportamento histórico dos preços e principalmente às perspectivas futuras de desempenho da empresa emissora da ação, bem como da economia do país.

2º Passo – A partir do entendimento das questões anteriores, elabore uma síntese, que será apresentada no próximo encontro presencial.

29 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Oi amigos, faço parte da turma de ADMINISTRAÇÃO da ULBRA - EADE - SÃO GABRIEL DA PALHA-ES.
    PARABENS PELO SITE, MUITO INTERESANTE, BELA INICIATIVA....

    ResponderExcluir
  4. Ola, eu faço S.S na ULBRA em imperatriz -MA
    Queria parabenizar pelo site, é muito bom pois ajuda muitoa clareas as ideias...
    Parabéns...

    ResponderExcluir
  5. Obrigado!
    Conto com a participação dos colegas da Ulbra, pólo Novo Hamburgo, para o desenvolvimento do blog.

    ResponderExcluir
  6. Oi, eu faço adm na ulbra no RS, não sei se vcs podem me ajudar com essa questão: Qual instrumento regula a quantidade de unidades monetárias em circulação do sistema econômico?
    a)Reservas obrigatórias dos bancos comerciais
    b)Emissão monetária
    c)Política de redesconto
    Se alguém souber, posta aí! Valeu!

    ResponderExcluir
  7. A resposta é a alternativa b)emissão monetária.

    ResponderExcluir
  8. Brigado!
    E parabéns pelo blog, ta bacana!

    ResponderExcluir
  9. adorei o blog, bacana a iniciativa

    ResponderExcluir
  10. olá ronei, meus parabéns vc é um aluno muito aplicado, faço ADM ULBRA ES, está sendo de grande valia seu blog, estamos estudando e aprimorando conhecimentos.... valeu

    ResponderExcluir
  11. Gostaria de saber sobre os exercicios do capitulo 3 Funadamentos da Economia. Quais os tipos de custos existentes no processo produtivo e qual é a sua influencia

    ResponderExcluir
  12. O processo produtivo implica basicamente dois tipos de custos: os custos de fixos, onde se paga para a manutenção e a realização da produção, como luz, água, funcionários, aluguel. E os custos variáveis, ou os custos dos fatores de produção, que nada mais são que as matérias primas (dependem da quantidade produzida). Ainda, há o custo total que é soma do custo fixo e do custo variável.
    Custo médio - é divisão do custo total pela quantidade produzida;
    Custo marginal – obtido dividindo a diferença de custo total pela diferença da quantidade produzida, a cada intervalo de produção.
    Todos possuem a influência no preço final do produto.

    ResponderExcluir
  13. BOA TARDE

    O QUE VOCE ACHA SOBRE ESTE ASSUNTO:
    REFLEXÃO SOBRE TEMAS DIFERENTES DE ECONOMIA MONETARIA BRASILEIRA PERMITINDO A HETEROGENEIDADE DE CONHECIMENTOS ECONOMICOS QUANDO APRESENTADO AO GRANDE GRUPO.

    ResponderExcluir
  14. "QUEM ESTA SENDO FAVORECIDO COM A ATUAL TAXA DE CAMBIO DO BRASIL: OS IMPORTADORES OU OS EXPORTADORES? APRESENTE RAZOES."

    ResponderExcluir
  15. DE QUE FORMA OS CUSTOS NO PROCESSO PRODUTIVO SÃO CLASIFICADOS DECORRENTES DOS FATORES EXTERNOS E QUAIS AS DIFICULDADES DO AGENTE ECONOMICO PRODUTOR DIANTE DESTAS EXTERNALIDADES.

    ResponderExcluir
  16. Bom dia!!!
    Aguem pode me ajudar? referente as seguintes questoes:
    *Identificar e escrever um exemplo de situação real onde se manifestam uma ou mais idéias das escolas de pensamento econômico, uma interpretação na prática da aplicação dos elementos componentes da tríade dos problemas econômicos na atividade econômica brasileira

    *Conceituar O método na ciência econômica e as escolas que formaram a síntese do pensamento econômico.

    *O que são políticas macroeconômicas e quais são seus principais objetivos?

    *O que você entende por política monetária? (regulamentação – BACEN – emissão da moeda, reservas obrigatórias, controle de crédito)

    *quais são os impactos possíveis na atividade econômica de qualquer país, caso não haja aptidão e ou disposição de um ou dos dois agentes econômicos.

    Obrigada

    ResponderExcluir
  17. Esse material eu já tinha. Pesquise bem no google, leia artigos acadêmicos e vai encontrar muita informação.
    A Macroeconomia, segundo Garcia e Vasconcellos (2002, p. 83), “[...] estuda a economia como um todo, analisando a determinação e o comportamento de grandes agregados, tais como: renda e produto nacionais, nível geral de preços, emprego e desemprego, estoque de moeda e taxas de juros, balança de pagamentos e taxa de câmbio”.
    A política macroeconômica, como toda política possui metas a serem atingidas. Dentre essas metas temos: alto nível de emprego, estabilidade de preços, distribuição da renda e crescimento econômico.O alto nível de emprego é importante, pois, dessa forma, as pessoas recebem um salário e têm condições de adquirir mercadorias

    ResponderExcluir
  18. Sabes me informar em qual saite eu encontro estes materias?
    *quais são os impactos possíveis na atividade econômica de qualquer país, caso não haja aptidão e ou disposição de um ou dos dois agentes econômicos.

    ResponderExcluir
  19. Como assim Já tinha?
    Como encontro?

    ResponderExcluir
  20. Boa Noite vc pode me ajudar com a atividade 6
    a) As relações comercias entre os diversos países?
    b)Os fatores comuns como motivadore para a formação de blocos economico?
    c) A variação da taxa cambial e sua influencia na economia brasileira.
    d) Quais as razões e as vantagens para os países formarem blocos economicos.
    e) A necessidade de troca de moedas entre os países como elemento facilitador das relações comercias internacionais.
    f) No Brasil é possivel afirmar que a valorização do real face ao dòlar americano representa aspectos positivos e negativos para a atividade economica do Brasil, justificando.
    g) Qual a importância das trocas de moedas entre os países.
    h) Como a valorização da moeda nacional representa um sistema economico forte sob a otica internacional.
    i) Justifique a afirmação: Um paìs desenvolvido tem uma moeda forte

    ResponderExcluir
  21. Dê uma olhada na postagem "Fundamentos da Economia - atividades 9 e 10", do meu blog, e no link externo: http://transpondolimites.blogspot.com/2008/02/atividade-07-distncia-21-280208.html

    É preciso lembrar que as postagens representam o ponto de vista de seus autores, portanto, após sua análise, construa o seu.

    ResponderExcluir
  22. ATIVIDADE A DESENVOLVER Para o desenvolvimento desta atividade é necessário: 1º Passo – Ler o cap. 3 do livro e assistir a vídeo aula 3. 2º Passo - A partir da leitura escreva: A) Os tipos de custos existentes no processo produtivo e sua influência. B) De que forma os custos classificados como fatores externos no processo produtivo e quais as dificuldades do agente econômico produtor diante destas externalidades. 3º Passo – A partir do entendimento dos conceitos das questões A e B acima, identificar numa atividade produtiva exemplos destes custos. Observem que a classificação dos dependem de cada atividade produtiva (Ex. Custos que são fixos para uma atividade podem ser variáveis para outras) 4º Passo - Caracterizar a classificação predominante da atividade econômica da região onde moram, estudam e trabalham. 5º Passo – Após, escrevam suas conclusões e anotações, para apresentar na próxima aula presencial.

    ResponderExcluir
  23. Olá Ronei!
    Faço ADM ULBRA em Altamira-Pará. Adorei esse blog. Valeu!

    ResponderExcluir
  24. Me ajude:
    REFLEXÃO SOBRE TEMAS DIFERENTES DE ECONOMIA MONETARIA BRASILEIRA PERMITINDO A HETEROGENEIDADE DE CONHECIMENTOS ECONOMICOS

    ResponderExcluir
  25. Nos sites abaixo, que inclui o do Banco Central, tem um vasto material sobre o assunto:

    http://www.nalijsouza.web.br.com/aula_dir_cap8.ppt#275,20,Evolução do sistema bancário (BR)
    http://www4.bcb.gov.br/pec/appron/Apres/20060221PR-
    Regime%20de%20metas%20para%20a%20infla%E7%E3o.pdf
    http://www.administradores.com.br/artigos/nocoes_de_economia_monetaria/10143/
    http://br.monografias.com/trabalhos910/a-politica-monetaria/a-politica-monetaria2.shtml

    ResponderExcluir
  26. 1) Divisão da Ciência Social.
    - O que levou a divisão das ciências sociais em três áreas específicas?
    - Faça um quadro comparativo destacando o conceito, o objeto de estudo e a importância de cada uma das três áreas das ciências sociais: sociologia, antropologia e ciência política.
    - Escreva os pontos convergentes e divergentes entre problema social e problema sociológico.

    2) Procure analisar em teu livro texto cap. 2 os três textos que representam enfoques teóricos distintos sobre o mesmo fato. Destaque os conceitos que aparecem e relacione os mesmos as Teorias: Funcionalista de Èmile Durkheim; Materialista histórica de Karl Marx; Compreensiva de Max Weber.

    3)Analisando as características da Sociedade Contemporânea destaques os enfoques que causaram o Fato Atentado de 11 de setembro, bem como as conseqüências do mesmo.

    4)Explique a diferença entre: - Ideologias Políticas e Teorias Científicas, Sociais, Políticas e Econômicas.

    5) -Apresente os dois grandes desafios, cuja superação ou não, determinará as condições que a nação Brasileira viverá diante das exigências da realidade contemporânea.

    ResponderExcluir
  27. A internet veio para ficar e já pode ser considerada com uma das últimas maiores causas de grandes modificações no comportamento empresarial. Como podem e devem as organizações aumentar a sua eficiência e eficácia operacional através da utilização estratégica deste recurso?
    Se pararmos para relacionar em quantos bancos de dados podemos hoje encontrar informações pessoais e profissionais de cada um nós. Certamente estaremos relacionados no banco de dados da Receita Federal, no banco de dados da Previdência Social, no banco de dados da Caixa



    Econômica Federal, em bancos de dados do município e do estado onde nascemos e onde residimos, entre outros como no comércio local e em bancos locais.
    Partindo desta reflexão podemos perceber a necessidade de termos conhecimento acerca da administração e construção de bancos de dados, bem como da habilidade de trabalhar com eles. Faça uma lista de atividades que certamente nos farão ter contato direto com algum tipo de banco de dados no desempenho de nossa atividade profissional nas organizações atuais.
    A representação das informações empresariais através de gráficos diversos é de grande importância no processo de tomada de decisão. Partindo desta reflexão responda a seguinte pergunta:
    “Dentro da grande diversidade de tipos de gráficos que podemos gerar para representar um conjunto de informações, qual é o melhor tipo ou subtipo ou gráfico personalizado que devemos utilizar para representar informações?” Justifique sua resposta.
    Construa uma tabela relacionando características comuns e diferenças relacionadas aos objetivos de cada um dos aplicativos relacionados:
    • Microsoft Outlook
    • Microsoft Word
    • Microsoft PowerPoint
    • Microsoft Excel
    • Microsoft Access

    ResponderExcluir
  28. Escolher uma das três sugestões abaixo e elaborar o relatório demonstrando os impactos positivos e negativos na atividade econômica brasileira:

    1) - Desvalorização do dólar americano.
    a) Considerando as atividades exportadoras e importadoras;
    Com a desvalorização do dólar a atividade exportadora ficará desestimulada devido a redução da receita no momento da conversão cambial, Já para o caso das importações, os produtos produzidos fora do Brasil estarão com

    preços mais baixos internamente decorrente da baixa cotação.
    b) Considerando o Saldo da balança comercial;
    Com a desvalorização do dólar teremos como conseqüência a diminuição do superávit da balança comercial ou até mesmo passarmos para a condição deficitária. Isto ocorre devido ao estímulo à importação e desestímulo às exportações.
    c) Considerando a estabilidade dos preços.
    Para esta resposta devemos considerar se a situação da oferta no mercado esta com a capacidade instalada sendo utilizada no seu máximo ou próximo do máximo, quando os produtos importados contribuirão para equilibrar a oferta e a procura contribuindo para a estabilidade dos preços.
    Caso a capacidade instalada não esteja sendo utilizada no Máximo, a importação dos produtos com baixos preços prejudicará a atividade produtiva nacional via concorrência interna.

    2) - Aumento da taxa de juros SELIC para 11,75% ao ano conforme reunião do COPOM em 16/04/2008.
    a) Analisando sob a ótica da aptidão do consumidor;
    Como significativa parcela do consumo brasileiro se dá através do parcelamento, a compra com o dinheiro de terceiros (Bancos), sempre que houver este parcelamento tem o juros do financiamento incluso no preço ou no financiamento. A aptidão do consumidor significa ter dinheiro para comprar, portanto quando os juros aumentam os preços também aumentam significando a redução da aptidão do consumidor obtida via financiamento.
    b) Analisando sob a ótica da aptidão do produtor.
    Já a aptidão do produtor significa capacidade técnica de produzir a

    quantidade desejada. Quando o produtor tiver a intenção de ampliar sua capacidade produtiva, poderá fazê-la com recursos próprios ou de terceiros (normalmente dos bancos). Com o aumento da taxa de juros inibirá a utilização dos recursos de terceiros para ampliar a aptidão dos ofertantes.

    3) - Diminuição da taxa de desemprego como indicativo do desenvolvimento brasileiro.
    a) Discutir a evolução do bem estar social decorrente da alteração da taxa de desemprego no Brasil.
    Para esta resposta os alunos deverão considerar que a redução da taxa de desemprego significa maior participação efetiva e não média da sociedade na riqueza produzida no Brasil. Tendo maior participação (renda) sem dúvida haverá melhoras na qualidade de vida da população.

    b) Discutir o inter-relacionamento entre o aumento da taxa média de vida do brasileiro e a redução da taxa de desemprego.
    Sem dúvida alguma considerando a resposta anterior que a redução da taxa de desemprego significa melhorias da qualidade de vida da população, podemos concluir sem erro que a taxa média de vida da população aumentará decorrente do acesso da população a vários fatores como: Saúde, moradia, lazer, alimentação, educação e muitos outros.

    ResponderExcluir